Posts

Ferramentas de coaching que ajudam na liderança estratégica

Cada vez mais ouvimos falar de liderança estratégica. Isso porque, em um contexto de tantas transformações, devemos nos questionar: qual será o meu papel como líder no século XXI? 

 

Olhando para um futuro próximo, onde a grande maioria dos colaboradores das empresas será da geração Y, contemporânea à internet e às novas tecnologias e com uma visão do mercado de trabalho nada tradicional, os líderes que ainda acreditam no modelo do “eu mando e você obedece” estão com os dias contados.

 

O que é uma liderança estratégica?

Um líder estratégico é o líder capaz de utilizar competências (suas e da equipe), a fim de que todos alcancem os resultados propostos, dando o seu máximo e estando em sua melhor versão. 

 

O novo perfil de líderes procurados pelas empresas será de profissionais diferenciados, com habilidades para liderar de forma assertiva, dispostos a ensinar e acompanhar cada um de seus colaboradores.

 

Dessa forma, um líder estratégico é aquele capaz de:

  • Delegar tarefas;
  • Inspirar pessoas;
  • Conduzir processos;
  • Motivar o time;
  • Gerar inovação;
  • Manter o equilíbrio;
  • Co-criar com a equipe;
  • Alcançar objetivos;
  • Construir um ambiente de evolução constante.

 

Líderes que saibam mobilizar sua equipe para que mantenham a motivação sempre em alta, auxiliando-a na busca da inovação, na manutenção do equilíbrio e na evolução contínua do time ganham destaque.

  

Mas como conciliar todas as demandas acima mencionadas?

O Líder Coach pode ser o melhor caminho, pois este acredita nos resultados a partir do desenvolvimento, do autoconhecimento, da conexão com seus liderados e da vulnerabilidade.

 

Para que isso aconteça, esse novo líder tem a seu favor poderosas ferramentas de coaching que irão auxiliá-lo nessa jornada. Mas antes de qualquer coisa, esse líder deverá saber a diferença entre gerenciar e liderar.

 

Deve ficar claro que um gestor é quem gerencia processos, metas, orçamentos, controles, entre outros fatores. Já o líder, é quem deve desenvolver e faz a gestão de pessoas.

 

Quando o líder consegue o equilíbrio entre essas duas funções, seu desempenho é um sucesso.

 

Como coloca Marco Fabossi, coach e sócio-diretor da Crescimentum, essa relação:

 

É como andar de bicicleta, onde as duas rodas precisam andar em plena harmonia e de forma ordenada.

 

Nessa analogia, a roda traseira representa a gestão, que movimenta o negócio. São os processos, infraestrutura, metas, orçamentos e controles. Mas para que isso aconteça, precisamos de pessoas, e essas seriam representadas pela roda dianteira, que dá a direção a ser seguida

 

A falta de coordenação entre ambas fará com que a bicicleta não mantenha sua trajetória da forma desejada, e seu empenho estará comprometido.

 

Com as ferramentas de coaching, líderes possuem alternativas para diversos tipos de situações. Podemos citar algumas ferramentas como:

 

1- Envolvimento Total – Equilíbrio das Energias

O conceito do Envolvimento Total pode se tornar uma excelente ferramenta para que líderes alcancem resultados extraordinários por meio do equilíbrio das quatro dimensões de energia (espiritual, mental, emocional e física).

 

A partir de uma avaliação sobre as quatro dimensões do Envolvimento Total, o coach de líderes poderá fazer perguntas poderosas que ajudem no processo de autoconhecimento do coachee. 

 

2- Feedback

O feedback é muito eficaz na gestão de pessoas, auxiliando no crescimento pessoal e profissional do liderado. O grande desafio é como oferecê-lo de forma adequada e estruturada, e como saber recebê-lo.

 

Alguns líderes focam apenas no ato de dar feedbacks, mas pesquisas demonstram que os líderes que mais pedem feedbacks são aqueles que mais apresentam eficácia em suas lideranças.

 

3- Perfis Comportamentais – DISC

A ferramenta DISC permite compreender melhor como os nossos perfis naturais maximizam talentos e facilidades, e como pessoas diferentes reagem às mesmas situações de formas diferentes.

 

Os perfis estão organizados em quatro quadrantes: D (dominância), I (influência), S (estabilidade), C (conformidade).

 

Quando um Líder Coach identifica essas diferenças comportamentais, direciona suas perguntas e propostas de forma específica para cada colaborador, e esse poderá se sentir mais motivado e engajado.

 

4- Mapa do Empowerment – Delegação de poderes

Permite ao Líder Coach uma experiência de avaliação individual sobre o liderado e suas respectivas atividades, com o foco de aumentar a consciência sobre quais executar, criar ou delegar.

 

5- Gestão do tempo – A Tríade do Tempo

Christian Barbosa, autor do livro “A tríade do tempo”, traz o conceito de 3 esferas de importância sobre o gerenciamento do tempo (da importância, urgência e circunstâncias).

 

Com essa ferramenta, as pessoas classificam suas atividades de acordo com cada uma dessas esferas, e conseguem aproveitar o tempo disponível da melhor forma

 

6- 4 quadrantes pessoais

Fortalece enunciados de missão e clarifica as relações entre a contribuição e o impacto que o indivíduo deseja gerar. Exploram-se as Visões Pessoal e Externa, assim como as Missões Pessoal e Externa.  

 

7- Declaração de Missão

Uma conversa guiada sobre propósito pode levar o indivíduo a uma reflexão que envolverá talento (capacidade de fazer excepcionalmente bem), valores (aquilo que realmente é bom para si), paixão (aquilo que gosta de verdade) e contribuição (o que o mundo precisa, e o que gostaria de fazer para que ele seja melhor).

 

Seja um líder extraordinário!

Essas são apenas algumas das mais variadas ferramentas de coaching à disposição do Líder Coach, que é o líder que ajuda as pessoas a chegarem a lugares aos quais, sozinhas, não conseguiriam chegar.

 

Nessa jornada, o Líder Coach combina ferramentas de liderança e coaching, mas o mais importante disso tudo vai além da técnica utilizada. A intenção genuína de ajudar as pessoas a se transformarem em uma versão melhor delas mesmas é o que realmente importa.

 

Se você deseja aprimorar suas competências de líder e se readequar às novas necessidades do mercado, conheça a Formação em Coaching de Liderança e potencialize a performance de sua equipe por meio do Coaching!

 

Por Rodrigo Proença, líder coach e parceiro da Crescimentum